terça-feira, 3 de setembro de 2013


Escolas especializadas impedidas de iniciar o ano letivo normal

 NOTA À COMUNICAÇÃO SOCIAL

Escolas especializadas de ensino artístico: Ministério da Educação e Ciência bloqueia concurso e prejudica abertura do ano letivo. 

As escolas especializadas de ensino artístico (Conservatórios, Escolas Artísticas Soares dos Reis, no Porto e António Arroio, em Lisboa), estão impedidas, até ao momento, de iniciar o processo concursal de recrutamento para os docentes das áreas artísticas indispensáveis para o normal arranque do ano letivo.

Por razões de ordem burocrática ou outras, o MEC continua a não permitir a utilização das plataformas informáticas indispensáveis para o desenrolar do processo cuja conclusão, nestas escolas é relativamente longa.

Tal, terá evidentes consequências na abertura do ano letivo, ao mesmo tempo que configura um grave desrespeito para com estes profissionais.

Tendo em conta esta situação inadmissível, a FENPROF promove amanhã, 4 de setembro, na Escola Artística António Arroio, em Lisboa, uma Conferência de Imprensa que contará com a presença de professores das escolas envolvidas (Lisboa, Porto e Coimbra) e de membros dos órgãos de gestão.

Tendo em conta a importância desta matéria, num quadro de agravamento da situação geral e de desemprego dos professores contratados, o Secretariado Nacional da FENPROF agradece, desde já, o acompanhamento que, sobre esta matéria, os órgãos de comunicação social venham a fazer.

CONFERÊNCIA DE IMPRENSA
ESCOLA ARTÍSTICA ANTÓNIO ARROIO, LISBOA
4 DE SETEMBRO, 11 HORAS


via Escola António Arroio (Facebook)

ver também Alunos discriminados! e ainda Ministério muda outra vez as regras...

Sem comentários: