sexta-feira, 9 de abril de 2010


Tão à vontade como os animais


Fonte: Público_P2, 8-4-2010


"Gosto de ver as pessoas tão naturalmente e fisicamente à vontade como os animais. O que me interessa verdadeiramente nas pessoas é o lado animal". Lucian Freud

Segundo as palavras de Pedro Rosa Mendes, autor do artigo no Público desta sexta-feira, Lucian Freud atingiu, aos 88 anos, o estatuto de "Maior pintor inglês vivo". [...] "O atelier do pintor, cápsula sufocante de toda a sua obra, é o fio condutor de uma grande exposição no Centro Pompidou, em Paris".

Lucian Freud, segundo o crítico, em vez de gostar que o referenciem como neto de Sigmund Freud, pela abordagem psicanalítica da sua pintura, prefere definir-se como "biólogo" e caracteriza a sua obra mais em conformidade com a fisiologia do que com a psicologia.

Ligações associadas:
Biography (Tate Collection)
O século prodigioso
http://www.youtube.com/watch?v=3D_euSA7ryg (1/5)
http://www.youtube.com/watch?v=kH38lLWRS6I


Vídeo para a exposição - Centro Pompidou


(site com acesso restrito na ESAA)

Sem comentários: